Notícias

CIC-BG intercede, em Brasília, pela aceleração no envio de medicamentos a Bento Gonçalves

CIC-BG intercede, em Brasília, pela aceleração no envio de medicamentos a Bento Gonçalves

 

Com o auxílio do ex-deputado federal Mauro Pereira, o Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves (CIC-BG) reforçou, em Brasília, o pedido da prefeitura para o envio de medicamentos à cidade no combate à covid-19. Ao lado do ex-parlamentar caxiense, o integrante do conselho superior do CIC-BG, Laudir Miguel Piccoli, percorreu os ministérios da Saúde, onde teve audiência com o chefe de gabinete da pasta, Paulo César Ferreira Junior; da Casa Civil, encontrando-se com o assessor especial Ysrael Rodrigues de Oliveira; da Secretaria de Governo, participando de reunião como o ministro Luis Eduardo Ramos Baptista Pereira; além da Secretaria Especial de Relações Institucionais, na qual encontrou-se com o secretário especial adjunto Eduardo Gomes da Silva. A agenda de visitas ocorreu na segunda-feira, 20 de julho.

“Estar diante das autoridades que têm poder de decisão nos deixa mais tranquilos e confiante no atendimento de nossa solicitação, essencial para a comunidade. Todos foram muito empáticos com relação ao pedido e reforçaram o compromisso de colaborar com sua efetivação”, opina Piccoli.

As reuniões foram pautadas por seguidos pedidos para agilizar o envio de medicamentos a Bento Gonçalves, solicitados via ofício pelo prefeito Guilherme Pasin no dia 10 de julho ao ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, e ao deputado federal gaúcho Osmar Terra, que também foi visitado. “Houve um valioso trabalho político, mostrando a importância do envio desse pedido de forma rápida, uma vez que estamos no inverno e é uma época em que as pessoas sofrem com gripes e outras doenças”, comenta Pereira.

Na carta, Pasin enaltece os esforços da cidade para aumentar o número de leitos de UTI – de 20 antes da pandemia para 50 agora –, além de relatar o panorama dos casos da doença na cidade, motivo pelo qual ele solicita, ao menos, 10 mil unidades de kits das medicações cloroquina, ivermectina, zinco, vitaminas D e C, azitromicina, cetamina, midazolam e noradrenalina.

Esse pedido foi uma sugestão do próprio Osmar Terra, que se encontrou com o presidente do CIC-BG, Rogério Capoani, em Brasília, há duas semanas. Na ocasião, Capoani havia viajado à capital federal por conta de uma reunião do movimento Reage Brasil, do qual participam cerca de 200 entidades e o CIC-BG é um de seus instituidores. No retorno a Bento Gonçalves, Capoani reuniu-se com Pasin e relatou o procedimento ao chefe do Executivo para requerer a medicação. “Isso demonstra como a iniciativa privada está articulada com o poder público para reverter a situação de pautas negativas, como é o caso da covid-19. Mas juntos, opinando e decidindo de forma coletiva, tenho certeza que conseguimos fazer muito mais e melhor”, diz Capoani.